Breve Introdução

A Licenciatura em Engenharia Zootécnica, lecionada conjuntamente com a Faculdade de Medicina Veterinária, pretende formar licenciados capacitados profissionalmente para: conceber, planear e orientar atividades produtivas e empresas de Produção Animal, tornando-as eficientes, modernas e tecnologicamente avançadas, desenvolver tecnologias capazes de melhorar a produtividade da Produção Animal, com vista à sustentabilidade dos recursos e à resolução dos problemas inerentes, desenvolver, implementar e dominar políticas de desenvolvimento, com vista à satisfação das necessidades e preferências dos consumidores enquanto garantia de segurança na cadeia alimentar, melhorar os sistemas produtivos aplicáveis à produção animal, capazes de suscitar avanços nas áreas da produção, conservação e beneficiação tecnológica dos alimentos para animais, da reprodução e melhoramento animal, da higiene e controle sanitário das instalações pecuárias e, por ultimo, intervir inovadoramente através da introdução de novas tendências e da aplicação da Biotecnologia nas fileiras produtivas. , Sendo ainda de referir que a produção animal é hoje uma atividade extremamente competitiva nos países desenvolvidos e que representa na U.E. mais de 50% do valor bruto da produção agrária. Daí a importância sócio-económica desta profissão e a consequente necessidade de uma maior especialização e preparação específica neste sector produtivo. , As saídas profissionais podem direcionar-se tanto para o sector público, através do Ministério da Agriculturas, Pescas e Desenvolvimento Rural (Direções Gerais e Regionais, Organismos de controlo da qualidade dos produtos, Organismos de Investigação e Desenvolvimento), do Ministério da Ciência e do Ensino Superior (Instituições de Investigação Científica e Ensino Superior e Politécnico) ou do Ministério da Indústria (Organismos de Investigação Científica e Tecnológica) como para o sector privado em Empresas Agro-Pecuárias, Indústrias de Transformação Agro-Alimentar, Indústrias de Alimentos para Animais, Empresas de Controlo da Qualidade dos Produtos ou Gabinetes de Planeamento e Consultoria.

Historial

Avaliação/Acreditação/Registo:
Acreditação A3ES
Registo DGES R/A-Ef 2075/2011/AL01

Publicação em Diário da República:
Despacho nº 3742/2017

Publicações anteriores:
Despacho nº 5473/2010

Despacho nº 26794/2008

Regime de Funcionamento

Diurno

Propinas

Anual 2019/2020

Estudantes nacionais: 871,52 €
 
Estudantes internacionais: 3.000 €

Coordenadores

João Pedro Bengala Freire